Contabilidade para provedores

 

Com larga experiência na área empresarial, a Veg Contábil possui uma equipe altamente qualificada com foco no segmento de ISP.

O mercado de ISP, com o passar dos anos, tem se tornado uma atividade complexa diante de uma série de obrigações fiscais e contábeis obrigatórias, exigindo uma contabilidade que entenda do seu ‘negócio’ a fim de prestar um trabalho de qualidade, que apresente indicadores seguros que permitam a melhor tomada de decisão por parte do Empreendedor.

Pensando neste mercado a VEG Contábil tornou-se especialista em Provedores de Internet, com capacidade de assessorar empresas em todos os seus aspectos Contábeis e Legais, englobando consultoria Contábil, Financeira e Tributária.

Esses são alguns dos muitos questionamentos de quem está à frente de um Provedor:

Como a VEG Contábil, especialista em Provedores, pode ser um diferencial para o seu ISP?

Por ser uma especialista em Provedores, a VEG Contábil tem a experiência necessária para antecipar as dificuldades que um Provedor terá para crescer no mercado e, assim, propiciar um planejamento adequado com maior segurança e agregando valor ao negócio do cliente.

Muitos Provedores crescem desordenadamente e se tornam inviáveis diante da falta de Gerenciamento Financeiro e Planejamento Tributário.

Quais os cuidados na tributação dos serviços prestados pelo ISP e a distinção entre SVA e SCM?

Seja o Provedor que deseja ganhar mercado ou aquele que pretende se tornar uma empresa atrativa para uma venda futura, é preciso se preparar em ambos os casos, para ter uma Contabilidade alinhada com o seu negócio.

Caso contrário, o crescimento pode ser prejudicado ou a venda tão esperada pode não atingir a expectativa do Empreendedor.

Os “serviços de valor Adicionado” é outra preocupação do ISP. Tendo em vista que os ‘Serviços de Valor Adicionado’ não são Serviços de Telecomunicações, sendo uma espécie de Serviço Auxiliar, fazer essa distinção é essencial para definir a tributação dos Serviços, eis que sobre tais serviços não há incidência do ICMS. Esse detalhamento deve estar refletido na contabilidade, nos documentos fiscais, dentre outros necessários a venda.

Muitos questionam quanto o SVA representa do seu faturamento, contudo, essa resposta varia de acordo com as características de cada operadora regional, sendo que a precificação correta será uma tarefa conjunta da diretoria, engenharia, corpo Jurídico e contábil, não existindo um percentual fixo. É preciso entender a atividade e levantar os custos. Cada ISP terá uma realidade diferente. O seu ISP já está preparado para as mudanças do Simples Nacional em 2018? Com a alteração do Simples Nacional, introduzida pela Lei Complementar 155/2016, em vigor a partir de 2018, Uma Contabilidade Especializada para Provedores a Tributação dos optantes do Simples Nacional foi modificada substancialmente.

O ISP atualmente é tributado pelo anexo III, da LC 123/2006, e possui 20 faixas de tributação que vão de 6% a 17,42%. No entanto essa realidade mudará em 2018, onde o anexo III passa a ter apenas seis (6) faixas com alíquotas maiores e um valor fixo a deduzir, conforme destaca-se abaixo:

tabela veg

A forma de calcular a alíquota efetiva a ser paga também foi alterada. Mensalmente esta alíquota vai depender de um cálculo que considera a Receita Bruta acumulada nos 12 meses anteriores e o desconto fixo. Diante desta nova sistemática pode ocorrer o aumento da Carga Tributária para alguns, mas também a redução para outros.

Portanto, mais do que nunca, o ISP vai precisar de planejamento e um bom sistema de gestão fiscal contábil.

Outra questão de suma importância é a razão entre a Folha Salarial e a Receita Bruta, isso poderá influenciar diretamente nas alíquotas do Simples Nacional.

Sendo assim, mesmo o ISP que ultrapassar o limite de R$ 3.600.000, e passe a pagar o ICMS no regime de RPA, vai precisar fazer a conta para saber se ainda é vantajoso permanecer no Simples Nacional ou migrar para outro regime.

Aproveite que o ano de 2017 se iniciou para analisar a situação da sua empresa visando economizar no recolhimento de Tributos, mas sem desrespeitar a legislação vigente.

Como o mercado de Telecomunicações no Brasil é relativamente novo, as rotinas Fiscais e Contábeis merecem atenção, de forma que empresários e contadores devem estar focados no alinhamento e no planejamento do negócio, agregando maior valor e evitando problemas futuros que possam levar a inviabilidade do ISP.

A VEG Contábil está à disposição para atender em todo Brasil, pois conta com um sistema onlineque permite ao Cliente prestar e acessar todas as informações de forma prática, segura e rápida.